22 de fevereiro de 2024
Cidades • atualizado em 06/10/2022 às 15:45

SES-GO descarta mais de 215 mil doses de vacina que venceram

O pedido da Anvisa suspende a contagem do prazo de 30 dias que ela tem para avaliar o processo. Em nota, o Butantan afirma que "mais uma vez, foi surpreendido com informações vindas da imprensa" sobre a decisão da Anvisa. (Foto: Divulgação)
O pedido da Anvisa suspende a contagem do prazo de 30 dias que ela tem para avaliar o processo. Em nota, o Butantan afirma que "mais uma vez, foi surpreendido com informações vindas da imprensa" sobre a decisão da Anvisa. (Foto: Divulgação)

A Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), descartou mais de 215 mil doses de vacinas contra Covid-19 em todo estado, após perderem a validade. De acordo com a pasta, em todo território goiano foram distribuídas 320.960 doses da Coronavac com vencimento para 30 de setembro. Desse total, 215.995 precisaram ser jogadas no lixo.

Conforme a pasta, o descarte se deu por conta da baixa adesão em todos os públicos, principalmente entre crianças na faixa etária de 3 a 4 anos. A superintendente em Vigilância de Saúde da SES-GO, Flúvia Amorim, disse, ao portal G1, que há cerca de 20 dias, Goiás havia contabilizado mais de 250 mil doses que tinham a data de vencimento para 30 de setembro.

Segundo ela os municípios se empenharam realizando mutirões de vacinação para tentar aproveitar o máximo de doses possível. A secretaria explica que o descarte segue as normas da Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) 222, de 28 de março de 2018, que regulamenta as boas práticas de gerenciamento dos resíduos de serviços de saúde e dá outras providencias.

Leia Também

Leia mais sobre: / / / Cidades