22 de fevereiro de 2024
Senador Canedo • atualizado em 27/02/2021 às 12:28

Senador Canedo decide não adotar lockdown mas irá intensificar fiscalização, afirma prefeito

Pellozo anuncia intensificação nas medidas restritivas (Foto: Prefeitura de Senador Canedo)
Pellozo anuncia intensificação nas medidas restritivas (Foto: Prefeitura de Senador Canedo)

O município de Senador Canedo decidiu não aderir ao lockdown adotado por boa parte das prefeituras da região metropolitana de Goiânia. Por outro lado, anunciou neste sábado (27/02) que intensificará a fiscalização para as medidas restritivas já estabelecidas. Segundo o prefeito Fernando Pellozo (PSD), o Comitê de Enfrentamento à Covid-19 entende que ainda não há motivos para a imposição da restrição total à cidade.

Mesmo a taxa de ocupação no Hospital de Campanha de Senador Canedo estando em 95% para UTI e 91% para enfermaria, Pellozo afirmou que segundo o mapa de calor da Secretaria do Estado de Saúde (SES-GO) classificou ontem o município para situação de alerta. Antes estava crítico. O documento que o Comitê se baseou foi retirado do ar. O blog aguarda atualização para a devida checagem.

“Reunimos hoje com o Comitê de Enfrentamento a Covid-19 que é composto pela Prefeitura, Câmara Municipal, forças de segurança e representantes dos comerciantes. E nessa reunião, de acordo com os dados que temos, com o mapa de calor do estado, com a referência do próprio estado, nós entendemos que a situação de Senador Canedo que era crítica e ficou em alerta, nós não precisamos ainda neste momento, decretar lockdown”, pontuou o prefeito.

Pellozo destacou que a qualquer momento novas restrições podem ser anunciadas, mas enquanto isso não acontece, a fiscalização será intensificada a partir do da próxima terça-feira (02/03). “Podemos decretar a qualquer momento, mas vamos manter as medidas de restrição, vamos intensificar a fiscalização e intensificar as medidas restritivas a partir do dia 2 de março, mas mantemos o comportamento de situação crítica mesmo estando em alerta”, destacou.

Leia Também

As atividades de médio risco como quadras esportivas, academias, salões de beleza e barbearias poderão funcionar com a lotação máxima de 50%. Salões de beleza e barbearias devem atender com horário marcado. Empresas e escritórios devem adotar, para trabalhos administrativos, trabalho remoto ou 50% da capacidade em trabalho presencial, no regime de escala.

De acordo com o decreto, é proibido velórios de pessoas que morreram em decorrência da Covid-19 ou casos suspeitos. Sendo liberado funerais de outras causas, com capacidade máxima de 10 pessoas simultâneas.

Lockdown na região metropolitana

O decreto que endurece ainda mais as restrições à covid-19 será divulgado ainda hoje (27) no Palácio das Esmeraldas, em uma reunião com todos os Prefeitos envolvidos.

Além de Goiânia e Aparecida de Goiânia, Abadia de Goiás, Aragoiânia, Bela Vista de Goiás, Bonfinópolis, Caldazinha, Goianira, Hidrolândia, Nerópolis, Santo Antônio de Goiás e Trindade já entraram em consenso e anunciaram que o lockdown será decretado. Os termos do que será considerado serviço essencial estão sendo avaliados por técnicos das secretarias de Saúde dos municípios que vão aderir a medida.


Leia mais sobre: Senador Canedo