Celso Camilo, PhD em Inteligência Artificial (fotoAltair Tavares)
ANÚNCIO

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetec) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas, Sebrae Goiás, lançam nesta terça-feira, 14, o Mutirão Tech. A iniciativa objetiva a reunião da comunidade tecnológica de Goiânia em um Hackathon, uma espécie de maratona de programação em que desenvolvedores buscam discutir novas ideias para implementação de projetos de software ou hardware buscando soluções de problemas sociais.

O lançamento ocorrerá às 9h na sede do Sebrae, em Goiânia, com a participação do titular da Sedetec, Celso Camilo, e do superintendente do Sebrae Goiás, Leonardo Guedes.

Celso Camilo explica que a ação é inédita e trata-se de um novo tipo de mutirão. “O princípio do Mutirão, idealizado pelo prefeito Iris Rezende, é que as pessoas com espírito participativo se juntem e construam soluções para a sociedade. Por isso, vamos convidar a comunidade Tech para juntos criarmos soluções tecnológicas para os problemas sociais. Serão duas fases, sendo a primeira um evento [Maratona de Programação – Hackathon] entre os dias 7 e 9 de Junho, e a segunda fase um processo de integração e transferência para a prefeitura das três melhores soluções idealizadas durante a primeira fase. Ao final, uma banca selecionará a melhor solução e a equipe ganhará um prêmio”, destaca.

ANÚNCIO


Para o diretor-superintendente do Sebrae Goiás, Leonardo Guedes, a parceria Prefeitura de Goiânia e a instituição, objetiva, principalmente, buscar soluções tecnológicas para melhorar a vida da população goianiense. “O Sebrae será responsável pela metodologia que vai ser aplicada durante o evento e a Prefeitura vai coordenar o trabalho, apresentando as demandas da população em diversas áreas como: social, saúde, educação, esporte, moradia e transportes. Serão formados grupos de trabalho que ficarão imersos por três dias com o intuito de apresentar soluções para as principais demandas da população”, explica.

Além da Prefeitura e Sebrae, que disponibilizará os seus recursos e a experiência dos seus analistas, outras entidades, como a Fecomércio, Senac, GynTec, Funtec, Assespro, Senai, StartupGO, UFG e IFG são apoiadoras do evento.

Comentários

comentarios

ANÚNCIO