22 de fevereiro de 2024
Destaques • atualizado em 28/04/2020 às 16:21

Saúde amplia fiscalização de empresas em Goiânia

(Foto: Paulo José/Goiânia)
(Foto: Paulo José/Goiânia)

A nova fase da fiscalização da Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Sanitária de Goiânia, busca aferir os protocolos de segurança previstos no decreto estadual 9.653. A partir de agora a atuação da Vigilância Sanitária passará a ser coercitiva, com isso, os estabelecimentos que já foram orientados e permanecem descumprindo as determinações serão autuados conforme a legislação existente.

“Desde o início da pandemia a Vigilância Sanitária estava fazendo a orientação junto aos proprietários, mas agora quem não cumprir totalmente as normas poderá ser multado. O valor da multa vai depender do item que está em desacordo com o decreto, podendo ser leve, média ou de alto risco”, explica o diretor Dagoberto Costa.

A fiscalização será feita rotineiramente por região ou distrito sanitário e em locais que estão sob a guarda da vigilância em quatro grandes áreas: alimentação, educação, saúde e produtos químicos e farmacêuticos, como por exemplo, bares, restaurantes, clínicas, supermercados, padarias, petshops, escolas e outros.

Leia Também

Leia mais sobre: / Destaques / Goiânia