ANÚNCIO

Com a superação de vários obstáculos do processo de negociação e aprovação, a Prefeitura de Goiânia e a Caixa Econômica Federal confirmaram a assinatura do contrato de empréstimo de R$780 milhões para investimento em infraestrutura da capital goiana. Os recursos vão custear 11 grandes projetos, entre eles o recapamento do asfalto de 630 quilômetros das ruas da cidade. O valor foi autorizado pela Secretaria do Tesouro Nacional ( STN ) e vinha sendo tratado como prioridade da gestão iris Rezende.

ANÚNCIO


“É o maior empréstimo concedido a um município brasileiro em toda a história do país para fins de investimento. Nunca antes foi feito no Brasil um empréstimo de tamanho volume. É a maior operação de crédito para investimento. Existem valores maiores para outras cidades, mas entre os destinos da verba está a renegociação de dívidas antigas”, informou o secretário de finanças de Goiânia, Alessandro Melo.

O contrato será assinado em evento às 16h desta sexta, 29, na sede da prefeitura de Goiânia.

“Os valores serão pagos em seis parcelas, no valor de R$ 130 milhões, depositadas a cada três meses. O prazo máximo para utilização dos recursos é de 24 meses a partir da data de assinatura do contrato. No entanto, a determinação do prefeito Iris Rezende é para que todas as obras elencadas como prioritárias para a cidade tenham viabilidade de entrega até o final de 2020′, informou a assessoria de imprensa da prefeitura.

“O prefeito determinou que nenhuma obra deve ser começada se não puder ser entregue até o final da gestão e que não devemos deixar obras e dívidas para a próxima gestão”, disse Alessandro Melo, sobre os critérios do investimento.

Quer receber atualizações de notícias no seu email? Cadastre-se gratuitamente

Comentários

comentarios

ANÚNCIO