Marconi Perillo reuniu a equipe para assinatura do edital (Foto Jayr Inácio)
Lançamento do projeto de incentivo da FAPEG com o governador Marconi Perillo (Foto Jayr Inácio)
ANÚNCIO

“Estamos criando bases muito sólidas para que Goiás dê um salto significativo nas áreas da competitividade e da produtividade”, avaliou o governador Marconi Perillo ao anunciar hoje (08/06) três editais voltados ao fomento a parques tecnológicos, startups e micro e pequenas empresas de base tecnológicas. As chamadas públicas fazem parte de um acordo de cooperação assinado entre a Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Científico e Tecnológico e de Agricultura, Pecuária e Irrigação (SED) e a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Goiás (Fapeg). No total, serão investidos R$ 26,3 milhões em recursos.

O secretário de Desenvolvimento, Francisco Pontes, ressaltou a importância das parcerias intragovernamentais, com as instituições de ensino e pesquisa e com o setor privado. “Temos realizado diversas ações voltadas para o fomento à inovação e à tecnologia. Ontem, em Catalão, doamos uma área de 15 mil metros quadrados à UFG para a construção do Centro Tecnológico em Mineração. Hoje, estamos aqui, assinando mais este acordo de cooperação, com a Fapeg. E todas estas ações se completam”, disse Pontes.

Maria Zaira Turch, presidente da Fapeg, destacou que os recursos, na ordem de 26,3 milhões, investidos voltaram para a população ao fazer o trajeto ciência-inovação-tecnologia ao resultar em   produto inovador, vai gerar renda, riqueza e qualidade de vida para a população. “O governador Marconi sempre nos fala que tecnologia e inovação não é gasto é investimento”, citou.

ANÚNCIO


“Esta é uma ação que merece destaque pois é muito robusta, com recursos expressivos. Podemos dizer que é o maior programa estadual de fomento à inovação”, frisou o superintendente Executivo de Ciência e Tecnologia da SED, Mauro Faiad.

Workshops

Os interessados em participar das chamadas públicas devem se inscrever em workshops, onde os candidatos receberão orientação sobre elaboração de propostas, legislação e ainda terão acesso a cases de sucesso.

As inscrições para os workshops serão feitas a partir do dia 20 de junho no site da Fapeg (www.fapeg.go.gov.br).

Chamada Pública e workshop para Parques Tecnológicos

O objetivo desta chamada é apoiar a estruturação e a manutenção de Parques Tecnológicos sediados no Estado de Goiás, visando elevar a produtividade e a competitividade da economia goiana com a ampliação do patamar de investimentos e de maior apoio a projetos de risco tecnológico. Essa ação contribui ainda para o fortalecimento das relações entre empresas e Instituições Públicas ou Privadas sem fins lucrativos, em ambientes de inovação que favoreçam o surgimento de empresas goianas de base tecnológica.

Serão destinados a essa chamada recursos de até R$ 22 milhões. São elegíveis para esta proposta entidades gestoras dos Parques Tecnológicos Goianos credenciados no Programa Goiano de Parques Tecnológicos (PGTEC). O workshop para representantes dos parques interessados será realizado no dia 4 de julho e o lançamento da chamada está previsto para 14 de agosto.

Chamada Pública e workshop para empreendedores: ideias inovadoras – startups

A chamada busca fomentar ideias de projetos de desenvolvimento de produtos (bens e serviços) ou de processos inovadores que transformem ideias inovadoras em empreendimentos potencialmente sustentáveis e que incorporem novas tecnologias, nos setores econômicos estratégicos em acordo com o Programa Goiás Mais Competitivo e Inovador. Serão destinados para esta chamada recursos no valor total de R$ 1,5 milhão.

São elegíveis para a apresentação de ideias de projetos pessoas físicas, microempresa ou empresa de pequeno porte, além de microempreendedor individual (MEI), de base tecnológica, com receita bruta inferior a R$ 3,6 milhões com até dois anos de constituição. Os candidatos interessados poderão participar do workshop a ser realizado no dia 14 de agosto e passarão por diversas etapas de submissão e seleção das propostas. O lançamento do edital está previsto para o dia 21 de agosto.

 

O objetivo da chamada é apoiar, por meio da concessão de recursos de subvenção econômica (recursos não reembolsáveis), o desenvolvimento de produtos (bens ou serviços) e processos inovadores – novos ou significativamente aprimorados (pelo menos para o mercado regional) – de empresas goianas. A edital busca, assim, apoiar projetos de inovação que envolvam significativo risco tecnológico associado a oportunidades de mercado.

Serão apoiados, prioritariamente, projetos de desenvolvimento de produtos (bens e serviços) ou de processos inovadores que transformem ideias inovadoras em empreendimentos potencialmente sustentáveis e que incorporem novas tecnologias nos setores econômicos estratégicos em acordo com o Programa Goiás Mais Competitivo e Inovador. São elegíveis microempresas e empresas de pequeno porte sediadas em Goiás, com receita bruta igual ou inferior a R$ 3,6 milhões, com registro na Junta Comercial ou no Registro Civil de Pessoas Jurídicas (RCPJ) de sua jurisdição anterior a julho de 2015 e em atividade a pelo menos três meses antes do lançamento do edital;

Serão destinados R$ 2,8 milhões em recursos para esta chamada, podendo ser distribuído em subvenções econômicas de, no máximo, R$ 300 mil por proposta a ser executada em até doze meses. Os candidatos interessados poderão participar do workshop a ser realizado no dia 15 de agosto. O lançamento do edital está previsto para o dia 21 de agosto.

Comentários

comentarios

ANÚNCIO

Qual a sua opinião sobre a notícia? Quer comunicar correções?