25 de fevereiro de 2024
Cidades • atualizado em 26/08/2022 às 15:33

Preso suspeito de se passar por pai de santo e estuprar mulheres, em Aparecida

(Foto: Divulgação / Polícia Civil)
(Foto: Divulgação / Polícia Civil)

Um homem foi preso, nesta sexta-feira (26), suspeito de se passar por pai de santo e estuprar mulheres dentro de um templo, em Aparecida de Goiânia. De acordo com a Polícia Civil, duas vítimas são adolescentes.

Com o homem, os policiais apreenderam, nove facas e duas munições de revólver. Conforme o portal G1 Goiás, o presidente da Federação de Umbanda e Candomblé de Goiás (Fuceg), Salmo Vieira, disse que o suspeito não tem cadastro na entidade como pai de santo, mas que está apurando com outras federações se ele se formou em outro estado. Ainda ao Portal G1 Goiás, Salmo explica que sem a formação completa, ele não pode dirigir templos e realizar cultos.

Conforme explica a delegada Cybelle Tristão, o suspeito abusou sexualmente de mulheres que procuraram ajuda espiritual na casa de umbanda supostamente dirigida por ele.

Várias mulheres foram ouvidas na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) e relataram que o homem se utilizava da religião e aproveitava da sensibilidade das pessoas para praticar os crimes.

Leia Também

Leia mais sobre: / / Cidades / Aparecida de Goiânia