24 de fevereiro de 2024
ATENTE-SE • atualizado em 30/11/2023 às 09:43

Prefeitura de Goiânia inicia cadastro antecipado de matrícula nas escolas do município para 2024

Rede municipal de ensino em Goiânia abre período de matrículas para novatos (Foto: Divulgação)
Rede municipal de ensino em Goiânia abre período de matrículas para novatos (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Educação (SME), inicia na próxima segunda-feira (4/12), às 8h, a fase de cadastro antecipado de matrícula para escolas, Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) e Centros de Educação Infantil (CEIs). O processo de matrícula e solicitação de vagas para 2024 é totalmente online.

Cronograma

  • Cadastro antecipado: 4 de dezembro de 2023 a 7 de janeiro de 2024
  • Pré-matrícula: 8 de janeiro de 2024 (escolas) e 11 de janeiro de 2024 (Cmeis)

Como fazer o cadastro

O cadastro antecipado pode ser feito pelo site da SME, por meio do portal sme.goiania.go.gov.br. Ao entrar no site, basta clicar na opção “E-matrícula” e no banner “Cadastro Antecipado”.

Leia Também

  1. Dados da criança

No formulário, são solicitados os dados da criança (Dados do Candidato), incluindo o Cadastro de Pessoa Física (CPF), número do cartão do SUS, além de contatos telefônicos e endereço com CEP. Além dos dados do candidato, há um campo com o título “Dados do Responsável”, onde é necessário incluir nome, CPF, telefone e grau de parentesco com a criança.

  1. Situação de trabalho

Nesta fase, o solicitante da vaga pode marcar uma das quatro opções de trabalho para que possa ser inserida nos grupos prioritários da Prefeitura de Goiânia:

  • A mãe é trabalhadora autônoma e pode comprovar comprovante de pagamento de contribuição ao INSS ou Declaração de Regularidade de Situação do Contribuinte Individual atualizada;
  • A mãe é trabalhadora e pode comprovar com carteira de trabalho ou contracheque;
  • A mãe é trabalhadora, recebe Benefício de Prestação Continuada e pode comprovar com extrato do INSS e cartão de recebimento do BPC;
  • Não é trabalhadora ou não pode comprovar.

Depois de marcar uma das opções, podem ser anexados até 5 documentos para comprovar a situação de trabalho e integrar os grupos prioritários de vagas da Educação Infantil, que correspondem a 50% das vagas, destinadas de acordo com a Portaria nº 434, de 26 de outubro de 2021.

  1. Dados socioeconômicos

Em seguida, são solicitados dados socioeconômicos. Nesta fase, as famílias informam itens referentes à renda, tipo de moradia, como é a fonte de energia elétrica e abastecimento de água, serviço de coleta de lixo e se tem acesso à internet.

Após inserir os dados, é só concordar com termo de aceite e salvar as informações. O sistema abre uma nova tela com um número de protocolo.

Validação dos dados

Para os beneficiários do programa Bolsa Família/Auxilio Brasil, caso o sistema não faça a validação automática, os responsáveis deverão confirmar os dados em uma das Coordenadorias Regionais de Educação (CREs), até a data do início da pré-matrícula. Se for beneficiário do Benefício de Prestação Continuada (BPC), a família terá que confirmar os dados também em uma das CREs.

Pré-matrícula

A pré-matrícula será realizada de forma online, no site da SME, no período de 8 de janeiro (escolas) e 11 de janeiro (Cmeis) de 2024. Os pais ou responsáveis deverão informar a preferência por escola ou Cmei, turno de atendimento e turno de almoço.

Após a pré-matrícula, a SME realizará a análise dos dados e publicará a lista de alunos selecionados em 20 de janeiro de 2024. A matrícula presencial será realizada nos dias 23 a 27 de janeiro de 2024.


Leia mais sobre: Goiânia