Palestra apresenta o potencial de Lisboa para startups goianas no mercado europeu

ANÚNCIO

Um novo capítulo vem sendo escrito na histórica relação entre Brasil e Portugal, agora contextualizada pela nova economia digital. O território lusitano vem se tornando a principal porta de entrada das startups que almejam escalar no continente europeu graças a uma política pública desenvolvida nos últimos anos para atrair startups e criar um ecossistema de inovação. 

Na quarta-feira, 18 de setembro, Nuno Rebelo de Sousa, filho do presidente de Portugal e atual presidente da Federação das Câmaras de Comércio Brasil Portugal, estará em Goiânia especialmente para convidar empreendedores de startups e investidores-anjos para participar na edição de 2019 do  Web Summit Lisboa – considerado o maior evento de inovação da Europa.

A palestra é gratuita e acontece às 9h na área do Gyntec Condomínio Empresarial Tecnológico.

ANÚNCIO


A vinda ao Brasil foi um convite do Gyntec Condomínio Empresarial Tecnológico e da Sírius Venture Capital.

“Nuno é o porta-voz do efervescente mercado de inovação que tem se tornado Portugal e se interessou pelo Brasil e por  Goiás”, diz Cidinaldo Boschini Filho, founder da Sírius Venture Capital. 

O Brasil gerou nos últimos anos várias unicórnios [startups com mais de US$ 1B de valor] que estão se expandindo para o exterior. Goiás também vem apresentando destaque no cenário de startups brasileiros e internacional.

Na visão  de Marcos Bernardo Campos, Founder da Sírius Venture Capital, essa sinergia entre Brasil e Portugal é importante para colocar Goiânia no cenário internacional da nova economia digital. 

“Goiás tem potencial para desenvolver diversas startups com enfoque no agronegócio, principal atividade econômica do Estado, assim como para passar a ser exportador de tecnologia para a cadeia produtiva do agronegócio de Portugal e da União Europeia”, diz.   

Realizada anualmente desde 2009, a conferência é centrada na tecnologia da internet. A partir de 2016, deixou de ser realizada na Irlanda para ter sede em Lisboa, até 2028. Nesse ano, o evento acontece de 2 a 9 de novembro, e já está na agenda de  investidores goianos. “Estaremos acompanhando um grupo de investidores para acentuar esse intercâmbios empresariais entre Goiás e Portugal”, diz Felipe Pinho, também founder da Sírius Venture Capital.

Comentários

comentarios

ANÚNCIO