28 de fevereiro de 2024
Política • atualizado em 26/09/2022 às 09:39

Lula sobe para 45% e Bolsonaro se mantém com 35%, diz FSB/BTG

(Foto: Ricardo Stucker/Instituto Lula/Flickr/ Alan Santos/PR).
(Foto: Ricardo Stucker/Instituto Lula/Flickr/ Alan Santos/PR).

A nova rodada da pesquisa FSB/BTG divulgada na manhã desta segunda-feira (26), mostra uma possível vitória do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no primeiro turno das eleições que acontece neste domingo (2). De acordo com o levantamento, o petista aparece com 45% das intenções de voto, enquanto Jair Bolsonaro (PL), se mantém com 35%. A diferença é de 10 pontos percentuais. Na pesquisa anterior, divulgada no último dia 19, Lula tinha 44% e Bolsonaro se manteve.

O candidato Ciro Gomes (PDT), aparece com 7%, e Simone Tebet (MDB), com 4% empatados tecnicamente, ambos oscilaram dois pontos para baixo em relação ao levantamento da última semana. Outros candidatos como Felipe D’Avila (Novo) e Soraya Thronicke (União Brasil) aparecem com 1%. Eymael (DC), Vera Lúcia (PSTU), Sofia Manzano (PCB), Leonardo Péricles (UP) e Padre Kelmon (PTB) não pontuaram. Votos brancos e nulos são 4%. Já os que não souberam ou preferiram não responder somam 2%.

Espontânea

Na modalidade espontânea, onde os nomes dos candidatos não são apresentados aos eleitores, Lula também lidera o ranking. O petista foi citado por 44% dos entrevistados, enquanto Bolsonaro, atingiu 34%. O pedetista Ciro Gomes aparece com 5%, Simone Tebet, 3% e outros candidatos ficaram na casa dos 2%. Nesta modalidade votos branco e nulo somam 5% e não souberam ou não responderam, 7%.

Segundo turno

Em um cenário de segundo turno entre Lula e Bolsonaro, o petista levaria a melhor com 52% dos votos e o presidente com 40%. Uma disputa entre Lula e Ciro, o petista venceria por 47% a 36%, entre Lula e Tebet, o petista venceria com 49% contra 34%.

Leia Também

Rejeição

Conforme a pesquisa, o Bolsonaro lidera o ranking de rejeição entre os eleitores. Antes 55% dos entrevistados rejeitavam o atual presidente, agora, 56%. Ciro Gomes aparece com 52%, antes 48%. Simone Tebet, 40%, antes, 37%. O ex-presidente Lula aparece com 46% de rejeição, antes, 45%.

A pesquisa ouviu dois mil eleitores por telefone entre os dias 23 e 25 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais e seu índice de confiabilidade é de 95%. O levantamento possui registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob número BR-08123/2022.


Leia mais sobre: / / / / / Política / Destaques