Ex-presidente Lula, o condenado; Juiz Sérgio Moro, o condenador
ANÚNCIO

O juiz federal Sergio Moro, responsável pela Operação Lava Jato na primeira instância, condenou nesta quarta-feira (12) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a nove anos e seis meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. A condenação é relativa ao processo que investigou a compra e a reforma de um apartamento triplex em Guarujá, no litoral de São Paulo. A sentença, divulgada hoje (12), prevê que Lula poderá recorrer da decisão em liberdade.

O fato, entra na biografia do ex-presidente de forma previsível e outras condenações estariam a caminho, por causa de outros processos na mesma vara penal do juiz de Curitiba.

Na decisão, Moro afirma que as reformas executadas no apartamento pela empresa OAS provam que o imóvel era destinado ao ex-presidente.

ANÚNCIO


Onde está a confissão? Leia o penúltimo paráfrafo da sentença, abaixo.

CLIQUE E ACESSE: Documento histórico: íntegra da sentença do Juiz Sério Moro contra Luís Inácio Lula da Silva

 

Comentários

comentarios

ANÚNCIO

Qual a sua opinião sobre a notícia? Quer comunicar correções?