28 de fevereiro de 2024
Política • atualizado em 06/10/2022 às 14:41

Jovem negro é preso aos gritos de ‘vai gritar Lula la na África’, em Novo Gama

(Foto: Reprodução / Vídeo)
(Foto: Reprodução / Vídeo)

Um jovem negro foi preso sob grito de ”vai gritar Lula la na África”. A ação aconteceu no último domingo (2) na cidade de Novo Gama, região do Entorno do Distrito Federal.

Através de um vídeo, publicado pelo jornalista André Caramante em suas redes sociais, o homem aparece sem camisa sendo algemado. Durante a abordagem, é possível ouvir a frase ‘Vai gritar Lula lá na África agora’. Mesmo com gravado, não foi possível ouvir quem diz a frase. Portanto, um homem diz que o jovem estaria sendo preso por ser eleitor do Lula.

Segundo a polícia, o homem negro foi algemado e preso porque estaria próximo a uma seção eleitoral supostamente fazendo boca de urna para o candidato Lula, do PT. Conforme reportagem do  g1, o jovem chegou a ser levado à polícia, mas por não portar materiais eleitorais, foi liberado.

Após a repercussão do vídeo, o Ministério Público pediu explicações a Polícia Militar. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) de Novo Gama confirmou em nota que o homem foi abordado pela Polícia Militar e Guarda Civil Municipal. Sobre a fala no vídeo, disse que não foi possível identificar quem diz a frase.

Leia Também

“Não vamos permitir intimidação, perseguição política e policial aos apoiadores do Lula em Goiás. Vivemos num estado democrático de direito e exigimos respeito à liberdade de escolha e expressão da população”, diz a nota.

O partido ainda informou que vai acionar o governador Ronaldo Caiado (UB) pedindo a apuração, punição dos envolvidos e a orientação da corporação para evitar novos casos.


Leia mais sobre: / / / / Política