24 de fevereiro de 2024
Economia • atualizado em 27/12/2023 às 14:51

Goiás lidera ranking de investimentos em cultura por renúncia fiscal

Programa Goyazes contemplou, em 2023, quase 300 projetos culturais em mais de 75 municípios goianos, com aporte de R$ 40 milhões; estado ficou em primeiro lugar no ranking nacional
Primeiro órgão de tubos de Goiás é reformado com recursos do programa Goyazes
Primeiro órgão de tubos de Goiás é reformado com recursos do programa Goyazes

Goiás lidera o ranking de investimentos em cultura por meio de renúncia fiscal no Brasil em 2023, conforme aponta análise recente do Conselho Estadual de Cultura. O Programa de Incentivo à Cultura – Goyazes, operacionalizado pela Secretaria de Estado da Cultura (Secult), direcionou R$ 40 milhões a projetos artísticos-culturais, superando proporcionalmente estados como Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul.

O recurso de R$ 40 milhões beneficiou quase 300 projetos em mais de 75 municípios, incluindo Goiânia e cidades menores, como Itauçu, Nova Roma, Itapirapuã, Britânia, Matrinchã e Nova América. “Esses números destacam o papel da renúncia fiscal como um mecanismo estratégico no fomento à cultura, refletindo uma tendência de apoiar diferentes formas de expressão artística e preservar o patrimônio cultural”, pontua a secretária da Cultura, Yara Nunes.

As iniciativas contemplam festivais de música, cinema e gastronomia na capital e no interior; edição e publicação de livros de autores goianos; exposições artísticas; turnês de artistas locais pelo estado; gravações de CDs; apresentações de peças teatrais e espetáculos de dança; oficinas de práticas artístico-culturais diversas; produção e pós-produção de filmes que irão fomentar o audiovisual goiano nos próximos anos.

Além de eventos já consolidados no calendário cultural goiano, como a Procissão do Fogaréu, na cidade de Goiás; a mostra “O amor, a morte e as paixões”, em Goiânia, que chegou em sua 14ª edição este ano; o projeto “Música no Campus”, também na capital, concebido em 2009 e que, desde então, realizou cerca de 40 shows de grandes nomes da Música Popular Brasileira a preços acessíveis.

Leia Também

Dentre tantos outros projetos que se destacam na seleção 2023 está a organização, edição, publicação e divulgação de uma antologia de obras integrais da Literatura Goiana, cobrindo um panorama de 100 anos. E ainda o II Festival Internacional de Cinema de Goiânia – (GIFF), que assegura a promoção, difusão e circulação de longas e curtas de qualquer gênero e tipologia, em nível internacional.

Goiás Como funciona Lei Goyazes

O Programa Goyazes consiste no financiamento de projetos inscritos por proponentes goianos/residentes em Goiás e por empresas privadas atuantes no estado em troca da concessão do benefício fiscal do ICMS. Após a fase de inscrições, que são mensais, os projetos culturais passam por avaliação do Conselho Estadual de Cultura e homologação da secretária de Cultura. Em seguida, passam a fazer parte de um banco de dados on-line no site programagoyazes.cultura.go.gov.br, o que facilita o acesso por empresas interessadas.


Leia mais sobre: / / Economia / Goiás