28 de fevereiro de 2024
Goiânia • atualizado em 02/03/2022 às 15:46

Fiscalização encerra quatro festas clandestinas durante o Carnaval, em Goiânia

(Foto: Seplanh)
(Foto: Seplanh)

Durante o feriado de Carnaval, a Central de Fiscalização e Combate a Covid-19 da prefeitura de Goiânia encerrou quatro festas clandestinas. De acordo com os fiscais, a maior delas aconteceu no Beco da Codorna, no setor Central. No loca, mais de 300 pessoas estavam reunidas.

Ainda na região Central de Goiânia, os fiscais dispersaram cerca de 400 pessoas que se aglomeravam na madrugada desta quarta-feira (2) e além disso, foram apreendidas bebidas alcoólicas que eram vendidas de forma irregular por ambulantes.

Dois bares foram notificados e outros dois autuados por falta de Alvará de localização e funcionamento, de Licença para atividade em horário especial, e de licença para realiazação de eventos temporários. Em um dos estabelecimentos, que fica no setor Oeste, cerca de 500 pessoas estavam aglomeradas.

No Bairro São FranciscoNo Bairro São Carlos, região Noroeste, os fiscais identificaram mais de cem pessoas aglomeradas num espaço de festas. Uma residência no Setor Eli Forte também foi notificada por poluição sonora.

Leia Também

No decorrer do feriado, os fiscais da Central também vistoriaram sete denúncias recebidas por meio do aplicativo Prefeitura 24 horas e dos telefones 161, da Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma) e 153 da Guarda Civil Metropolitana (GCM). Cinco estabelecimentos estavam fechados e duas denúncias eram improcedentes.

Leia também:


Leia mais sobre: / / / Goiânia