Equipamento de tomografia e ressonância de R$2 milhões entram em operação no HMAP

ANÚNCIO

O prefeito Gustavo Mendanha e o secretário de Saúde Alessandro Magalhães entregam, às 16 horas desta segunda-feira, 25, no Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia (HMAP), dois novos aparelhos de tecnologia de ponta em exames de diagnóstico por imagem: um tomógrafo computadorizado e uma ressonância magnética.

ANÚNCIO


Os equipamentos vão atender toda a rede, reduzindo o tempo de espera por exames, agilizando diagnósticos e proporcionando mais conforto e qualidade aos pacientes do SUS. Além disso, serão entregues mais duas novas ambulâncias equipadas para o transporte de pacientes na cidade.

Gustavo Mendanha destaca que os dois equipamentos instalados no Hospital Municipal darão mais qualidade aos serviços prestados em Aparecida, que já é referência em Saúde para outros 55 municípios da região Centro-sudeste.

Equipamentos já estão em operação no HMAP (Foto Claudivino Antunes)

“Nossos pacientes não precisarão mais se deslocar para outras cidades em busca desses exames. Muito pelo contrário, a tendência que identificamos é que Aparecida de Goiânia está recebendo cada vez mais pessoas de fora para utilizar nossos serviços. A abertura do HMAP revolucionou a Saúde municipal, que passou a ser referência para todo o país em um novo conceito de SUS, mais moderno e humanizado”.

Para o secretário Alessandro Magalhães, os equipamentos representam o aumento da segurança para pacientes e profissionais.

“Os aparelhos adquiridos para o HMAP são dos mais avançados que há no mercado, desenvolvidos para facilitar o uso e proporcionar excelente qualidade de imagem e conforto ao paciente. Nosso Hospital é o único público do Estado que possui um tomógrafo com essa tecnologia avançada. Os aparelhos já estão instalados e em pleno funcionamento”.

A título de exemplo, o secretário ressalta que no tomógrafo serão realizados até mesmo exames cardíacos, geralmente feitos em uma mesa de cirurgia. “O conceito do HMAP é atender com qualidade e resolutividade”, completa.

Mais independência

O novo aparelho de ressonância magnética, que demandou um investimento de 2,795 milhões de reais aos cofres públicos, tem capacidade para 800 exames mensais e vai funcionar 24h, todos os dias da semana, atendendo os pedidos de exames das unidades de urgência e emergência da cidade. Além disso, o aparelho servirá aos pacientes que realizam exames por agendamento e que eram, em alguns casos, encaminhados para Goiânia para realizar diversos tipos de diagnóstico.

Já o novo tomógrafo, que teve um custo de 2,027 milhões de reais, tem capacidade para realizar até 100 exames por dia e irá reduzir em 90% o tempo de espera dos pacientes.

Segundo dados da Central de Regulação de Aparecida de Goiânia, quando não era caso de urgência ou emergência, a população esperava aproximadamente 20 dias para realizar uma tomografia computadorizada. Com a aquisição do aparelho pela Prefeitura, o tempo pode ser reduzido para uma média de dois dias úteis. “De uma forma geral, todos os investimentos que Aparecida realizou com a aquisição desses aparelhos resultarão em uma economia para nosso município”, acrescentou o secretário de saúde.

Quer receber atualizações de notícias no seu email? Cadastre-se gratuitamente

Comentários

comentarios

ANÚNCIO