ANÚNCIO

“Nada mais retrógrado, nada mais ultrapassado, nada mais vil, nada mais leviano, nada nos enoja mais do que ter esse tipo de debate político”, disparou o governador de Goiás, José Eliton em discurso no Seminário Internacional de Educação Superior. O recado, em tom de desabafo do chefe do Executivo, foi para aqueles que pressionam o governo de Goiás para ocupar cargos em troca de apoio para a aliança partidária. (Veja o áudio, abaixo)

Eliton é pré-candidato a governador de Goiás e é pressionado pelos partidos pela ocupação de cargos no governo. “Aquí, em Goiás, isso tem que acabar”, disse ele. O PP, segundo informações divulgadas no jornal O Popular estaria pressionando pelo cargo de presidente da SANEAGO

Sem que ninguém perguntasse, o governador citou as pressões que têm recebido e criticou o “passado patrimonialista da política brasileira”. Para ele, é o que “há de mais pernicioso”(na política) e citou a formação de composições partidárias.

ANÚNCIO


Para ele, os que fazem a pressão não entendem que a sociedade mudou e que os espaços devem ser ocupados por mérito e não “como moeda de troca”.

“Cabe aqueles que têm a responsabilidade de governar, dizer não. Ter a coragem de mudar. Aquí em Goiás, esta prática será banida. Aquí em Goiás nos não vamos caminhar neste sentido”, disparou o governador ao estabelecer parâmetros pelos quais conduzirá as negociações para sua chapa partidária.

 

 

Comentários

comentarios

ANÚNCIO