Em discurso duro, Éliton critica “balcão de negócios” de partidos políticos


“Nada mais retrógrado, nada mais ultrapassado, nada mais vil, nada mais leviano, nada nos enoja mais do que ter esse tipo de debate político”, disparou o governador de Goiás, José Eliton em discurso no Seminário Internacional de Educação Superior. O recado, em tom de desabafo do chefe do Executivo, foi para aqueles que pressionam o governo de Goiás para ocupar cargos em troca de apoio para a aliança partidária. (Veja o áudio, abaixo)

Eliton é pré-candidato a governador de Goiás e é pressionado pelos partidos pela ocupação de cargos no governo. “Aquí, em Goiás, isso tem que acabar”, disse ele. O PP, segundo informações divulgadas no jornal O Popular estaria pressionando pelo cargo de presidente da SANEAGO

_________________

RELACIONADAS:

Sem que ninguém perguntasse, o governador citou as pressões que têm recebido e criticou o “passado patrimonialista da política brasileira”. Para ele, é o que “há de mais pernicioso”(na política) e citou a formação de composições partidárias.

Para ele, os que fazem a pressão não entendem que a sociedade mudou e que os espaços devem ser ocupados por mérito e não “como moeda de troca”.

ANÚNCIO


“Cabe aqueles que têm a responsabilidade de governar, dizer não. Ter a coragem de mudar. Aquí em Goiás, esta prática será banida. Aquí em Goiás nos não vamos caminhar neste sentido”, disparou o governador ao estabelecer parâmetros pelos quais conduzirá as negociações para sua chapa partidária.

 

 

Comentários

comentarios

ANÚNCIO