ANÚNCIO

A ONG mexicana Segurança, Justiça e Paz faz, todo ano, divulga um levantamento com base em taxas de homicídios em todo o mundo. O último deles, divulgado nesta semana, mostra a dimensão da violência no país: das 50 cidades mais violentas do mundo, 17 estão aqui no Brasil.

Segundo a pesquisa, nenhuma delas está em Goiânia e o Rio de Janeiro não figura entre as mais violentas.

Natal aparece em quarto lugar no ranking mundial, com 102,56 homicídios por 100 mil habitantes. Para se ter uma ideia, a Organização Mundial da Saúde (OMS) considera a taxa acima de 10 homicídios por 100 mil habitantes como característica de violência epidêmica.

ANÚNCIO


LEIA TAMBÉM: “Bandido tem que ter medo de polícia”

Fortaleza também teve destaque no relatório por conta da taxa de homicídios ter subido 85% entre 2016 e 2017. A capital cearense ficou em sétimo lugar no ranking. São Paulo, por exemplo, teve taxa de 8,02 homicídios por 100 mil habitantes em 2017. Já o Rio de Janeiro, que vive uma crise de segurança pública, viu a taxa crescer de 29,4, em 2016, para 32 homicídios por 100 mil habitantes no ano passado.

Por outro lado, três cidades brasileiras que figuravam no ranking em 2016 deixaram a lista de lugares mais violentos: Curitiba (PR), Cuiabá (MT) e São Luís (MA).

O estudo aponta também que a América Latina é o continente com o maior número de cidades violentas do mundo: das 50 listadas no ranking, somente oito não são latino-americanas. Doze das cidades estão localizadas no México, país que possui vários cartéis de drogas.

Veja a lista:

Comentários

comentarios

ANÚNCIO