Alego aprova projeto que busca cassar concessão da Enel


A tumultuada sessão da quarta, 11, na Assembleia Legislativa de Goiás ( ALEGO ) aprovou, em primeira votação, o projeto de lei nº 7034/19, que pede a encampação da Enel Goiás pelo Estado, via CELG G&T, e a cassação do contrato 063/2.000 que trata do contrato de concessão da empresa de energia com a ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica).

O projeto é assinado pelo presidente da Alego, deputado Lissauer Vieira (PSB), e pelo líder do Governo, Bruno Peixoto (MDB).

A propositura precisa passar por mais uma fase de discussão e votação do Plenário do Legislativo goiano para que esteja apto a seguir para sanção do governador Ronaldo Caiado (DEM). 

ANÚNCIO


Em entrevista ao Diário de Goiás, o presidente da Enel Distribuição em Goiás, José Luis Salas, afirmou que a empresa preocupa-se com a insegurança jurídica no Estado e que buscará todos os meios na Justiça para manter a regularidade do contrato.

Comentários

comentarios

ANÚNCIO