Clécio (ao meio) não tem economizado ataques à sec. de saúde (à esquerda) de Iris Rezende, que é aliado do vereador. (Fotos Divulgação)
ANÚNCIO

A insatisfação da bancada do PMDB, partido do prefeito Iris Rezende, na Câmara de Goiânia, ficou explícita quando o gestor foi prestar contas e recebeu reclamações do atendimento dado a eles na administração da secretaria de saúde de Goiânia. Partiu do vereador Clécio Alves (PMDB) o desabafo direto ao prefeito. Em novo ataque, o peemedebista foi muito mais ácido.

“A saúde de Goiânia está um chiqueiro, um chiqueiro, um verdadeiro açougue”, disse Alves, em entrevista à Rádio 730 (Ouça a reportagem aqui). Em ataque direto à scretária Fátima Mrué, o vereador criticou o fato de ser desconhecida. “Foi colocado um secretario na saúde que ninguém sabe de onde veio, por que veio, como veio, dizendo que vai resolver o problema da saúde”, disse ele como clara demonstração de que não aprovou a escolha do prefeito Iris Rezende.

A reclamação do vereador feita após uma tentativa de atendimento à mãe dele no Cais do Bairro Goyá. Ele acabou por encaminhá-la ao Hospital de Acidentados em ambulância alugada por que o serviço foi, segundo ele, negado pelo SAMU.

ANÚNCIO


O possível

Em entrevista a Rádio 730, a secretaria Fátima Mrué justificou que as dificuldades para a gestão da saúde em Goiânia são muitas. Segundo ela, após questionamento de reclamações de vereadores, está tentando atender aos parlamentares “na medida do possível”.

Reclamação explícita

Fontes informaram que uma das causas da insatisfação dos vereadores aliados de Iris Rezende, é o fato de que não conseguiram indicar nomes para ocupação de cargos comissionados na prefeitura de Goiânia. Eles falam abertamente da decepção política. O vereador Paulo Magalhães, por exemplo, afirmou que se sente “traído”.

Outro vereador, Anderson Sales, também reclamou do atendimento dado a ele no Cais do Novo Mundo quando foi atendido com dores abdominais e encaminhado para ultrassonografia do Cais Amendoeiras, mas o equipamento não estava funcionando, no domingo, 5.

Comurg

Na Câmara Municipal de Goiânia, Clécio Alves, fez crítica direta à indicação e à gestão do presidente da Comurg, Denes Pereira.

Veja:

 

Comentários

comentarios

ANÚNCIO

Comments are closed.