Urgência: Saneago pede que a população economize água na seca

“A companhia pede para a população que economize água tratada”. Com esta mensagem, a Saneago reconhece que precisa da colaboração da população para conter a crise provocada pela escassez do produto no Rio Meia Ponte. Foram listados 20 bairros com falta do líquido nas torneiras em Goiânia e dois de Aparecida de Goiânia.

O presidente da empresa, Jalles Fontoura, acredita que em poucos dias serão incluídos 500 militros por segundo ao sistema a partir da Barragem do João Leite.

No entanto, a previsão mais otimista para que não falte água é lançada para o dia 19 de setembro com a inauguração do Sistema Mauro Borges.

ANÚNCIO


Veja a nota da Saneago;

A Saneago informa que o Rio Meia Ponte está apresentando significativa redução de sua vazão, prejudicando a captação de água bruta para tratamento e distribuição para a população da Grande Goiânia.

Ações de fiscalização estão em andamento pela Secima e Dema na bacia do Rio Meia Ponte acima do ponto de captação de água bruta.

A Saneago está tomando todas as medidas possíveis para solucionar o problema, inclusive com a realização de obras de ampliação da produção. A Companhia pede para a população que economize água tratada e faça o uso mais racional possível de suas reservas domiciliares neste período.

Informamos que estão afetadas as regiões dos bairros de Goiânia: Jd. Petrópolis, São Domingos II, Bairro Floresta, Sollar Ville, Maysa, Jardim Atlântico, Faiçalvile, Marques de Abreu, Novo Horizonte,Vila Rosa, Orientville, Caravelas, Grajaú, Itaipu, Goiânia Viva, Jardim Guanabara, Aldeia do Vale, Orlando de Morais, Vale dos Sonhos, Itatiaia (parte alta) e Aparecida de Goiânia, no Garavelo e Bairro Cardoso.

Comentários

comentarios

ANÚNCIO

1 COMENTÁRIO

Comments are closed.