ANÚNCIO

O Mandarim é o idioma mais falado do mundo por causa da China e a imensa população que o país possui. O Centro de Línguas da Universidade Federal de Goiás (UFG) ofertará o curso do idioma chinês para toda a comunidade. As inscrições podem ser feitas até 11 de setembro, das 8 às 21 horas, na sala 28 da Faculdade de Letras, Câmpus Samambaia. Todos os professores que ministrarão o curso são chineses.

Interessados devem pagar taxa única semestral. Para o público em geral, o investimento é de R$ 408,00; para a comunidade universitária da UFG o valor é R$ 326,00; para os membros da Faculdade de Letras, a taxa cai para R$ 204,00.

A previsão é que as aulas comecem já no dia 12 de setembro, sendo ministradas todas as terças e quartas-feiras, das 14 às 15h40. Caso haja demanda, uma nova turma poderá ser aberta, das 16 às 17h40.

ANÚNCIO


O curso é fruto de uma parceria da UFG com o Instituto Confúcio, da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro , que oferece capacitação em língua chinesa, utilizando material aprovado pelo Ministério da Educação da China. A supervisão pedagógica é realizada pela Universidade de Hubei. 

Mandarim

O Mandarim, também conhecido como chinês tradicional, é o nome que se dá a um conjunto de dialetos chineses falados nas regiões central, norte e sudoeste da China e em países como Cingapura, Malásia e Taiwan. Atualmente, cerca de 890 milhões de pessoas são falantes desse idioma. Complexo, ele ganhou importância no cenário econômico mundial devido ao crescimento econômico do país. Dominar o Mandarim hoje é quase que obrigatório para profissionais que atuam no comércio exterior.

Comentários

comentarios

ANÚNCIO