ANÚNCIO

Mulheres que faziam a distribuição do material de campanha Carnaval sem Preconceito, da Caixa de Assistência dos Advogados do Rio de Janeiro (Caarj), relataram terem sofrido assédio e agressões em blocos do Rio de Janeiro. Segundo a assessoria de imprensa da Caarj, enquanto distribuíam as ventarolas da campanha e conversavam com os foliões, elas ouviram xingamentos, foram assediadas verbalmente e até fisicamente.

Fonte: Mulheres são agredidas no Rio em campanha contra assédio no carnaval

Comentários

comentarios

ANÚNCIO