Encontrado corpo de estudante desaparecida há dias; Esposo é suspeito

ANÚNCIO

O ciúme seria a motivação para a morte da estudante de pedagogia Leticia Bruna Lopes. O marido da estudante confirmou a uma equipe da Policia Civil que matou a esposa enforcada. Ele disse que estava com ciúme porque “Ela estava estudando e ele não.

A mãe da estudante disse que ficou meio impressionada com a frieza do genro, e que ele afirmava ter deixado a mulher no terminal.  “Eu estou em desespero, já vi como minha filha esta, e o mais estranho é que esse vagabundo deitou na minha cama comigo (consolando) enquanto meu marido e minha mãe estavam procurando minha filha”

A avó da estudante disse que não entende porque o marido da sua neta fez isso. Ela relata que “parecia que os dois nem brigavam”.

ANÚNCIO


O caso

A estudante de pedagogia desapareceu na madrugada desta segunda-feira (24) após entrar em um ônibus em Aparecida de Goiânia. Letícia Bruna Lopes Santos, 19 anos, estava indo para a faculdade, onde cursa pedagogia, como de costume quando sumiu.

Os familiares contarm que Letícia fazia esse trajeto de forma corriqueira para ir a Faculdade Alfredo Nasser e após as aulas ela iria para o estágio em um colégio no mesmo município. A mãe da jovem conta que ela sempre avisava para onde ia, mas nesse dia não houveram notícias desde o desaparecimento.

A moça tinha sido acompanhada pelo marido, Lucas Luciano de Sousa Silva no terminal, quando foi vista pela última vez. A versão dele não foi confirmada.

De acordo com Luciano, eles teriam saído juntos de casa e entrado no mesmo ônibus e foram até o Terminal Garavelo. A moça em seguida entrou em um veículo de linha 020 e desapareceu. No entanto, a versão foi desmontada após a descoberta do corpo e ele foi preso.

Segundo delegado da 4º Distrito Policial de Aparecida de Goiânia, Diogo Nogueira a polícia verificou as câmeras de segurança do terminais e do trajeto em que o ônibus que a moça desapareceu estava.

A Polícia informou que algumas pessoas já foram ouvidas e existem suspeita de um sequestro, no entanto, o caso ainda está em andamento.

O repórter cinematográfico Bill Guerra esteve no local onde o corpo foi encontrado. (Com informações do Diário de Goiás)

Comentários

comentarios

ANÚNCIO

Qual a sua opinião sobre a notícia? Quer comunicar correções?