ANÚNCIO

A prefeitura de  Aparecida de Goiânia adiou a inauguração da Unidade Básica de Saúde (UBS) do Bairro Hilda. A construção foi autorizada pelo ministério da Saúde em 2014, na gestão do ex-prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela (MDB).

ANÚNCIO


A solenidade de inauguração da UBS Adelson Ferreira da Silva seria realizada na terça, 11 de setembro, mas sofreu adiamento pela secretaria de saúde da gestão da cidade.

A unidade está localizada na Rua José Bernardes de Souza com a Rua Dona Maria Secundina de Araújo Manso no Bairro Hilda. A comunidade vizinha está vendo a obra pronta e está ansiosa para ver o serviço prestado o mais rápido possível.

“Nosso objetivo é melhorar a saúde do município cada vez mais, expandindo a cobertura de saúde principalmente nas regiões que necessitam. Três equipes de saúde da família irão atender a população dessa região, com consultas e programas de prevenção em saúde. Ainda temos outras unidades a serem inauguradas nos próximos dias”, destacou o secretário de Saúde Alessandro Guimarães ao falar sobre a UBS do Hilda.

A UBS do Bairro Hilda é de porte III, ou seja, atenderá com três equipes de Estratégia de Saúde da Família. Cada equipe conta com um médico, um enfermeiro e um técnico de enfermagem. A unidade também tem servidores administrativos e funciona das 8h às 17h.

Serão prestados serviços de atendimento nas áreas de acolhimento e identificação da necessidade; consultas individuais e coletivas feitas por médicos e enfermeiros; visita e atendimento domiciliar; vacinação (após a liberação da Secretaria de Saúde do Estado); desenvolvimento das ações de controle da dengue e outros riscos ambientais em saúde; pré-natal e puerpério e acolhimento da mãe e do bebê após alta na maternidade.

Além de rastreamento de câncer de colo uterino (preventivo) e câncer de mama; curativos; planejamento familiar; teste do pezinho; teste rápido de sífilis e HIV; teste rápido de gravidez; controle do tabagismo; prevenção, tratamento e acompanhamento das doenças sexualmente transmissíveis e de doenças infectocontagiosas como a tuberculose e o HIV; acompanhamento de doenças crônicas, como hipertensão, diabetes e doenças respiratórias crônicas e ações de promoção da saúde e proteção social na comunidade.

 O espaço possui 578,88m² metros quadrados de área construída e conta com quatro consultórios médicos, odontologia, sala de inalação, local para procedimentos e observação, além de farmácia, sala de curativo, coleta, acolhimento multiprofissional, banheiros adaptados para deficientes físicos, vacina, dependências administrativas e outros.

Comentários

comentarios

ANÚNCIO